Home » Crônicas Esparsas » Geraldo Vandré. Falemos de flores

Um Comentário sobre “Geraldo Vandré. Falemos de flores”

  1. Tales Castelo Branco disse:

    Lembrança triste e comovente. Esperamos que esses tempos não voltem mais.

Deixe um comentário, se quiser.

E