Home » Crônicas Esparsas » Presidente da República é grampeada (Tantas vezes vai o pote à fonte, um dia quebra)

Presidente da República é grampeada (Tantas vezes vai o pote à fonte, um dia quebra)

Um Comentário sobre “Presidente da República é grampeada (Tantas vezes vai o pote à fonte, um dia quebra)”

  1. Victor Nagib Aguiar disse:

    Dr. Paulo Sergio,

    Assisto às suas crônicas assim que as recebo por e-mail. São incríveis. Não á toa, sua oratória e cultura são exemplares para este colega. Impossível não admirar-lhe pela postura e serviços prestados à nossa classe.

    Receba um forte abraço.

    Do admirador,

    Victor Nagib Aguiar
    OAB/SP 261.831

    Presidente da Comissão de Segurança Pública de Santos/SP

Deixe um comentário, se quiser.

E